segunda-feira, 14 de março de 2011

Dia da Poesia

comemorar (?) o dia da poesia
sem poesia
num dia no qual o "poeta", no mínimo, não tinha que estar seco
uma segunda-feira que traz com ela seus estigmas de depressão, tristeza, insensatez e irritação
um escorpião irritado pelas águas de março que insistem em cair sobre sua cabeça, sem molhar os pés
que venha o outono
ansiedade pela nova estação que virá seca, mas nova
apesar de que a chuva deixa tudo mais verde

3 comentários:

Christian disse...

Depois de um tempo ausente, o escorpiano de fama marcante, volta a dar o ar da sua graça em seus textos simples, mas profundos.

Soninha disse...

e que venha todas as estações, gostei do seu blog. abraços

o garoto do posto disse...

oi eu gostei muito do seu blog ve o meu talvez voce goste ok

Caminham por aqui.